Porque contar com uma contabilidade especializada para a sua ONG?

contabilidade-especializada-para-sua-ong-mercantil.jpg

Porque contar com uma contabilidade especializada para a sua ONG?

Você sabe por que contar com uma contabilidade especializada para a sua ONG? Um erro que pode ser cometido por líderes e pessoas que estão à frente de associações sem fins lucrativos é o desconhecimento sobre a importância de um contador.

Sim! Uma ONG ou associação precisa contar com o apoio de uma contabilidade especializada. O seu papel, inclusive, se dá em diferentes frentes, que devem ser de conhecimento geral.

Dessa forma, quando uma ONG não possui à sua disposição um contador, é possível que ela não saiba qual é a sua realidade. Fato que pode comprometer a sua sobrevivência e crescimento.

Portanto, o que acha de descobrir porque contar com uma contabilidade especializada para a sua ONG? Nós preparamos um artigo para que você compreenda melhor o poder dessa relação.

Continue acompanhando o nosso material e descubra como uma contabilidade especializada pode contribuir com uma ONG. Aproveite também para tirar todas as suas dúvidas sobre este assunto!

Leia também o nosso artigo sobre Entidades sem fins lucrativos: como remunerar seus dirigentes sem perder a isenção fiscal.

Contabilidade especializada para a sua ONG?

Muitas pessoas pensam que, por se tratar de uma entidade sem fins lucrativos, uma ONG não precisa lidar com algumas burocracias. Processos fiscais, judiciais e financeiros fazem parte da gestão de uma associação.

Afinal de contas, quando paramos para analisar a sobrevivência de uma ONG, ela precisa de recursos financeiros para se manter ativa.

Sendo assim, uma ONG precisa lidar e implementar um controle rígido e assertivo sobre as suas finanças. E, diante deste contexto, a contabilidade surge como uma das principais alternativas para atuar como um parceiro de gestão.

Desse modo, quando te perguntarem: “qual o papel de uma contabilidade especializada para a sua ONG?”, o que você deve responder?

A resposta correta passa, principalmente, pela relação entre uma ONG e recursos financeiros. Ou seja, os líderes que estão à frente de uma associação precisam lidar com a arrecadação de fundos e até mesmo com o registro de suas doações.

Logo, estamos falando de processos que passam pela atuação e auxílio de uma contabilidade. Caso contrário, é possível ter que lidar com problemas financeiros que comprometem a estrutura de uma ONG.

Qual o papel do contador em uma ONG?

Como você pode perceber, uma ONG lida, constantemente, com vários processos financeiros. Com isso, todas as suas movimentações financeiras precisam passar pelo registro na Receita Federal.

Além disso é de extrema importância que uma ONG tenha uma atenção especial com o seu patrimônio. E, nada melhor do que contar com o suporte de um serviço especializado para lidar com tais obrigações, concorda?

Dessa forma, vamos entender melhor o papel de uma contabilidade quando falamos no patrimônio de uma ONG? Acontece que ele também precisa ser declarado à Receita Federal, tornando o papel do contador indispensável.

Uma outra obrigação de uma ONG que não pode passar despercebido é a obtenção do seu CNPJ. O processo pode ser repleto de dificuldades e, com isso, demandar o auxílio de um serviço especializado.

Ou seja, são vários os papéis de uma contabilidade especializada para a sua ONG. Entenda melhor alguns deles a seguir. Vamos lá?

Leia também o nosso artigo sobre Contabilidade como consultora de negócios: entenda a importância.

Patrimônio de uma ONG

A maneira com a qual uma ONG lida e administra o seu patrimônio pode determinar a sua manutenção. No entanto, como implementar uma gestão assertiva e focada em bons resultados?

O primeiro passo é contar com uma contabilidade especializada para a sua ONG. Isto porque os profissionais contábeis são focados e capacitados para administrar o patrimônio de uma maneira eficiente e individualizada.

Dessa maneira, se uma ONG deseja fazer uma melhor administração do seu patrimônio, considerar o apoio de uma contabilidade é fundamental. Inclusive, os profissionais contábeis podem atuar em outras frentes. Conheça algumas delas a seguir.

Administração de empregados

Uma ONG, para permanecer funcionando e desempenhando as suas atividades, precisa de profissionais atuando. E, para um líder sem conhecimento técnico em questões trabalhistas, fazer tal gestão pode ser uma tarefa bastante complicada.

Sendo assim, uma contabilidade especializada em ONGs pode atuar nos seus processos trabalhistas, dando todo suporte necessário nas questões que envolvem CLT e na contratação de novos funcionários.

Declarações mensais obrigatórias

Existem diversas declarações mensais e anuais, que devem ser criteriosamente criados e enviados, pois, o não envio pode gerar em alguns casos, multas de no mínimo R$ 500,00 reais por mês.

São algumas dessas declarações:

  • ECD;
  • ECF;
  • RAIS;
  • DCTF;
  • DIRF;
  • SPED CONTRIBUIÇÕES.

Captação de recursos

O último item da nossa lista nos papéis de uma contabilidade especializada para a sua ONG é na captação de recursos.

Acontece que existe uma procura muito alta de pessoas que demonstram interesse em contribuir com uma ONG. Fato que pode acabar gerando uma demanda de trabalho muito grande, fugindo do controle dos seus líderes.

Portanto, uma contabilidade pode atuar no quesito de captação e administração de recursos, gerando um alívio na agenda dos líderes de uma ONG.

Conseguiu perceber o papel de uma contabilidade dentro de uma ONG? Para mais dicas e artigos como o que você acabou de ler, acesse o nosso blog e confira! Não se esqueça também de seguir as nossas redes sociais!

Nenhum comentário

Postar um comentário