Abrir empresa em Brasília: conheça o passo a passo

abrir-empresa-brasilia

Abrir empresa em Brasília: conheça o passo a passo

O processo para abrir empresa em Brasília é feito no formato digital, de forma facilitada. Após fazer a solicitação de legalização, junto aos órgãos competentes, a empresa pode ser constituída em poucos dias!

 

Porém, sabemos que se tornar um empresário é uma escolha que envolve inúmeros desafios, como a correta gestão dos recursos financeiros e o cumprimento das obrigações legais, a fim de evitar problemas com o fisco.

 

Mas, apesar da alta carga tributária que incide sobre as atividades econômicas no Brasil, temos que admitir que abrir uma empresa em Brasília é uma tarefa que beneficia empresários e empreendedores.

 

Se você deseja saber mais informações a respeito desse tema, continue a leitura e saiba como abrir empresa em Brasília passo a passo.

 

Leia também: Pequenas empresas: o contador é importante pra quê?

Por que abrir empresa em Brasília?

O Distrito Federal (DF) oferece um dos sistemas de legalização de empresas mais simplificados do Brasil, o que é ótimo para o empreendedor que deseja abrir uma empresa em Brasília.

 

De acordo com a Junta Comercial, Industrial e Serviços do Distrito Federal, apesar da crise econômica provocada pela Covid-19, mais de 11 mil negócios foram legalizados em Brasília, entre 17 de março a 5 de junho de 2020. Além disso, Brasília se apresenta como um grande pólo político, com alto poder de consumo.

O que considerar antes de abrir empresa em Brasília? 

O processo de abertura de empresa exige o manejo correto de vários processos que viabilizam a legalização e a execução das atividades de um negócio. Nesse aspecto, antes de abrir empresa em Brasília, é necessário:

 

  • Observar a viabilidade do local de instalação;
  • Delinear o público-alvo;
  • Pesquisar a concorrência;
  • Fazer a reserva para capital de giro;
  • Contar com o suporte de um contador que seja especialista am abrir empresa em Brasília;
  • Se informar a respeito dos tributos a serem pagos de acordo com os regimes de tributação: Simples Nacional, Lucro Presumido e Lucro Real. 

 

Aprenda sobre: Ponto de equilíbrio financeiro, econômico e contábil: o que é e como calcular.

Passo a passo para abrir empresa em Brasília

O processo para abrir empresa em Brasília compreende os mesmos processos executados em outras localidades. Contudo, podem haver algumas particularidades. Continue a leitura e confira as etapas para legalização de empresas nessa localidade. 

Separe a documentação exigida

Para abrir empresa em Brasília, em um primeiro momento, é necessário separar os seguintes documentos:

 

  • Documento de identificação oficial;
  • Comprovante de residência;
  • Certidão de casamento (se aplicável);
  • Comprovante de quitação do IPTU do imóvel;
  • Contatos pessoais, como telefone e e-mail;
  • Razão social (nome do proprietário);
  • Nome fantasia (nome da marca no mercado);
  • Atividades empresariais;
  • Valor do capital social ou divisão das quotas no time de sócios.

 

Esses documentos são necessários para fazer a identificação do proprietário e sócios da empresa, caso existam. 

Consulte a viabilidade do negócio na junta comercial do DF

Após separar a documentação, é necessário, na junta comercial do Distrito Federal, requerer autorizações de funcionamento para exercer as atividades pretendidas. 

 

Além disso, é preciso verificar se as atividades podem ser executadas na localidade em questão. 

 

Para realizar a “consulta de viabilidade de nome e localização” é preciso acessar a aba “Viabilidade”, no  portal da REDESIMPLES/DF

 

Esse processo, em Brasília, dura em média três dias úteis. Contudo, pode ser possível obter uma resposta em menor prazo. Após a análise, é possível dar sequência ao processo de abrir empresa em Brasília.

Providencie o BDE 

Com a viabilidade aprovada, deve ser preenchido o Documento Básico de Entrada (DBE). Esse documento compreende:

 

  • Nome fantasia;
  • Certidão de viabilidade;
  • Documentos pessoais do dono e sócios. 

É a partir desse documento que a Receita Federal fará a análise dos dados da empresa e a geração do recibo para o acompanhamento do processo de obtenção do CNPJ.   

Cadastre a empresa na Receita Federal

Nessa etapa é realizado o cadastro da empresa na Receita Federal e a emissão do registro do CNPJ.

 

Portanto, após a aprovação do DBE, é preciso realizar a integração das informações no site da Junta Comercial do DF e emitir a guia para pagamento da taxa requisitada pelo órgão. 

 

Após a compensação do pagamento, são liberados os formulários para a realização da assinatura digital, por meio do e-CPF.

 

Após a obtenção do CNPJ, é preciso seguir as seguintes etapas para concluir o processo de abertura:

 

  1. Entregar toda a documentação na Junta Comercial do DF para concluir o registro;
  2. Emitir o certificado de licenciamento das atividades no Portal de Serviços na aba “Licenciamento”; 
  3. Realizar o cadastro para a emissão de notas fiscais. 

 

Como o leitor pôde observar, o processo de abertura de empresa em Brasília demanda uma série de burocracias que podem ser facilitadas com o suporte de um serviço especializado em legalização de empresas, como o que é oferecido pela Mercantil Assessoria Contábil.

 

Por meio dos nossos serviços, você encontra soluções e experiências viáveis para encarar as adversidades impostas pelo mercado. 

 

Entre em contato conosco e descubra como nós podemos te ajudar!

 

E não se esqueça também de seguir as nossas redes sociais e acessar o nosso blog para acompanhar outros conteúdos como este! Aproveite para ler também: Negócios em alta para 2021: negócios para empreender

Nenhum comentário

Postar um comentário